Director: João Carlos Vieira
Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017
2017-07-20 17:01
Surfista de Cascais Frederico Morais faz história na África do Sul

Frederico Morais fez história, em Jeffreys Bay, na África do Sul, ao conquistar 2º lugar na sexta etapa do circuito mundial da World Surf League. É o melhor resultado de sempre de um surfista português entre a elite do surf mundial.

No caminho até à final, Frederico, 25 anos, derrotou, nos quartos-de-final e com uma nota perfeita de 10 pontos (em 10 possíveis), o atual campeão mundial, o havaiano John John Florence e, nas meias-finais, o campeão mundial de 2014, o brasileiro Gabriel Medina.

O surfista de Cascais viria a perder na final do Corona Open J-Bay contra o brasileiro Filipe Toledo, nº4 do Mundo em 2015. A final foi muito disputada, tal como revelam as pontuações: 18.00 para o brasileiro, 17.73 para o português. Nota ainda para o facto de ter sido Frederico o autor da melhor nota desta bateria, 9,40 pontos (em 10 pontos possíveis), na sua quinta onda.

Com este resultado, Frederico amealha 8000 pontos e sobe 6 lugares na classificação mundial, ocupando agora o 12º posto. Este é também um resultado que deixa o surfista português numa posição mais confortável no que toca à sua continuidade entre a elite mundial de 2018.

Este 2º lugar de Morais, é o melhor resultado de sempre de um surfista português no World Tour, depois de Tiago Pires e Vasco Ribeiro, este como convidado, já terem obtido um 3º lugar. A próxima etapa do circuito mundial de surf é o Billabong Pro Tahiti, que acontece entre os dias 11 e 22 de Agosto na onda de Teahupoo no Tahiti.

DL/ANS

PUB
Artigos relacionados:

Coloque as Farmácias de Serviço no seu site