Director: João Carlos Vieira
Sexta-feira, 31 de Outubro de 2014
2011-05-29 08:32
Cascais garante manutenção e Paço de Arcos às portas da 1.ª divisão

O Dramático de Cascais, com o triunfo conseguido na penúltima jornada do campeonato, assegurou a permanência na 1.ª divisão nacional de hóquei em patins, na próxima época.

Cascalenses festejaram a manutenção na 1.ª divisão 

O Cascais recebeu e venceu o Candelária dos Açores, por 2-0, com golos apontados na primeira parte, por André Moreira, aos 4 e aos 15 minutos. Marcar cedo foi determinante pois permitiu à turma da Linha, comandada por Luís Nunes gerir melhor o jogo e no final poder festejar, com a sua massa associativa, a continuidade entre os “grandes”. 

Assim, e antes da última partida do campeonato, a realizar em Espinho, o Dramático de Cascais ocupa o 10.º lugar, mas já com sete pontos de avanço sobre o grupo de equipas que preenche a zona de descida, composto pelas equipas da Juventude de Viana, Sporting de Tomar, Cambra e Limianos, que assim regressam ao escalão secundário.

No topo da classificação continuam, empatados, com 79 pontos, o Porto e o Benfica. A atribuição do título está assim reservada para a derradeira ronda, em que o Porto recebe a Oliveirense e o Benfica joga na Luz com o Porto Santo, sendo que, em caso de vitória das duas equipas, o Porto tem vantagem nos critérios de desempate e sagrar-se-á campeão.  

Paço de Arcos a 50 minutos da primeira divisão

No campeonato da 2.ª divisão, destaque para o Paço de Arcos que foi ao Açores vencer o Santa Clara, por 5-2, resultado que o coloca às portas do campeonato da 1.ª divisão.  

O conjunto de Paulo Garrido beneficiou do empate (3-3) entre Tigres e Turquel e recuperou o 2.º lugar. Desta forma, basta agora, na última jornada, bater a equipa do Biblioteca, para poder festejar, com os seus adeptos, o regresso ao convívio do “grandes”.

Nesta jornada, há a regista ainda a goleada (24-2) imposta pela Associação Desportiva de Oeiras de José Carlos, ao Stella Maris, embora sem surpresa já que esta equipa não conseguiu ganhar qualquer jogo no campeonato e há muito que se encontra despromovida à 3.ª divisão.

Parede não ganha mas assegura manutenção 

A Liga de Algés foi a Nafarros, vencer, por 7-5, e assim praticamente atirou a equipa do concelho de Sintra também para a 3.ª divisão, caso esta não consiga, a missão que parece quase impossível, de ir ganhar, na derradeira jornada, ao recinto do líder, a Almeirim.

Um resultado que foi ainda determinante para a turma da Parede, liderada por Luís Martins, poder suspirar de alívio, pois também perdeu, por 3-6, frente à Juventude Ouriense, mantendo, contudo, os dois pontos de avanço sobre o Nafarros, seu adversário directo na luta pela manutenção.

Com o Nafarros a jogar no campo dos Tigres de Almeirim, equipa que, por seu lado, a disputar a subida à 1.ª divisão, não poderá ceder pontos, o Parede deverá confirmar assim a manutenção, após o jogo de Algés, onde vai jogar na jornada de encerramento do campeonato.

PUB
Artigos relacionados:

Coloque as Farmácias de Serviço no seu site